Olá ,  Seja Bem Vindo  |  Entrar  |   registrado agora  |  Precisa de ajuda?

Casa pega fogo no Bairro Caxingó em Ibicaraí

Written By Neri Alves on sexta-feira, 11 de julho de 2014 | 05:09

Hoje pela manhã por volta das 07h uma casa pegou fogo no bairro Caxingó em Ibicaraí. Os vizinhos que viram a fumaça e resolveram arrombar a porta da casa, e resgataram com vida a moradora conhecida como Dona Dior, que no momento se encontrava sozinha em casa.
Os moradores do bairro ao ver as chamas se espalhando fizeram um mutirão e começaram a apagar o fogo, logo em seguida o SAAE de Ibicaraí enviou o Carro pipa para conter as chamas.
A Policia Militar também foi ao local fez a ocorrência, mas ainda não se sabe a causa do incêndio. 







05:09 | 0 comentários

Chapecoense supera Bahia por 2 a 1, vence segunda partida e respira

Written By Neri Alves on domingo, 1 de junho de 2014 | 15:05

Foto Getty Imagens
A Chapecoense conseguiu sair da zona de rebaixamento. O time catarinense derrotou o Bahia por 2 a 1 neste domingo, na Arena Condá, pela nona rodada do Campeonato Brasileiro, e deixou as últimas posições. Com gols de Abuda e Alemão, os donos da casa conseguiram sua segunda vitória e poderão trabalhar com trabalhar com tranquilidade durante a pausa para a Copa do Mundo. Por outro lado, os visitantes continuam com oito pontos e se aproximaram da parte de baixo da tabela.

Antes da bola rolar Bruno Rangel entrou em campo para saudar o torcedor da Chapecoense. O atacante foi apresentado essa semana como reforço da equipe para o restante do Campeonato Brasileiro. O jogador foi o artilheiro da Série B no ano passado e estava atuando pelo futebol do Qatar.

O jogo começou bastante estudado e com poucas oportunidades de gol. O duelo colocou frente a frente duas equipes que lutam para se afastar das últimas posições. Por conta disso, tanto Chapecoense como Bahia demonstravam uma postura mais cautelosa.

O Bahia esperava em seu campo para explorar possíveis contra-ataques e a Chapecoense tinha dificuldade para acelerar seu jogo e não conseguia furar o bloqueio do adversário. A equipe visitante tinha em Anderson Talisca e Maxi Biancucchi as principais esperanças na frente, mas estavam bem marcados.

O trio ofensivo dos donos da casa formado por Nenén, Tiago Luís e Alemão, quase não era notado. Mesmo com menor posse de bola, o Bahia chegou a se aproximar do gol porque arriscaram alguns chutes de longe com Anderson Talisca. A Chapecoense equilibrou as ações, mas estava com uma pontaria ruim e a primeira etapa terminou mesmo empatada sem gols.

O segundo tempo iniciou de maneira diferente porque a Chapecoense conseguiu implantar seu jogo e, aos nove, abriu o placar. Abuda recebeu passe de Fabiano pelo lado direito, dominou e acertou um chute colocado para vencer Marcelo Lomba.

Os donos da casa passaram a jogar nos contra-ataques e quase marcaram o segundo, aos 11, com Alemão. Após erro na saída de bola do Bahia, o atacante recebeu lançamento para a área e chuta por cima da meta.

O segundo gol acabou acontecendo, aos 25, com Alemão. O atacante recebeu passe dentro da área e chutou rasteiro. A bola passou por baixo de Marcelo Lomba. Demerson cortou a bola dentro do gol e o árbitro Igor Benevenuto confirmou. Rafael Miranda reclamou asperamente e recebeu o cartão amarelo.

O confronto caiu de produção porque o Bahia não encontrou força para conseguir reagir. No fim, Demerson ainda diminuiu, aos 40, após jogada dentro da área. A Chapecoense, porém, conseguiu tocar a bola para passar o tempo e confirmou sua segunda vitória na competição.

FONTE: Terra
15:05 | 0 comentários

Em último teste do Itaquerão, Botafogo arranca empate com Corinthians

Foto: Rafael Moraes / Agência O Globo
Último evento teste em um estádio da Copa do Mundo, o jogo entre Corinthians e Botafogo, no Itaquerão, não teve torcedores em um dos setores da arquibancada temporária, que não recebeu laudo do Corpo de Bombeiros para ter cadeiras comercializadas. Em campo, o Botafogo perdia até os 41 do segundo tempo, quando Edílson empatou em jogada individual. Com do resultado, a equipe carioca afastou o perigo de passar a pausa do Brasileiro para a disputa do Mundial na zona de rebaixamento.
— O Corinthians está de parabéns pelo lindo estádio que construiu e eu estou satisfeito com o gol e o resultado — afirmou Edílson no fim do jogo.
Sem Emerson Sheik, o Botafogo entrou em campo com Ferreyra sozinho no ataque, já que Wallyson e Zeballos voltavam muito para buscar a bola no meio-campo. Organizado, o time avançava, mas chegava sem muito perigo ao gol de Walter. Aos 22, em cruzamento na área, Ferreyra ganhou no alto e o goleiro deu rebote, mas não havia ninguém do alvinegro carioca para aproveitar a chance.
Um cochilo do sistema defensivo, no entanto, mudou a cara do jogo aos 24 minutos. Marcado por Bolatti, Jadson fez jogada individual pelo lado direito, próximo à área. O argentino tentou dar o bote no jogador do Corinthians e acabou sendo driblado com facilidade. De fora da área, já sem marcador, o camisa 10 chutou colocado para fazer o primeiro gol oficial do time em sua nova casa.
Apoiado pela torcida e a frente no placar, o Corinthians cresceu e passou a dominar o jogo. Aos 33, Bruno Henrique perdeu um gol incrível quando Renan espalmou para o meio da área chute forte pela esquerda. O meia se enrolou com a bola e não finalizou. Aos 41, ele voltou a aparecer quando chutou de fora da área e exigiu boa defesa de Renan.
Para mudar o panorama do jogo, Vágner Mancini fez uma mudança no intervalo. Lucas saiu para a entrada de Daniel, recuperado de uma lesão na coxa direita. Com isso, Edílson, que atuava como volante, voltou a sua posição de origem, a lateral direita. Apesar da substituição, era o Corinthians quem seguia tendo as melhores oportunidades e quase ampliou com Ralf, aos 2, e Guerrero, aos 14.
A falta de ímpeto do Botafogo é perceptível pelas estatísticas do jogo. Aos 23 minutos, o Corinthians já havia finalizado 15 vezes, enquanto o time de Mancini, apenas duas. Com Aírton machucado, o treinador foi obrigado a colocar Jorge Wagner em campo. Ao mesmo tempo, tirou Wallyson para a entrada de Gegê, ganhando um meio-campo mais criativa, porém com menos força na marcação.
A primeira grande chance do alvinegro aconteceu aos 32 minutos. Com a bola no chão, Jorge Wagner deu um passe rasteiro para Ferreyra, que deu um leve toque na bola, deixando com Daniel. Desequilibrado, o meia chutou em cima de Walter. Na meia-lua, o centroavante argentino queixou-se do companheiro por não ter devolvido o passe. Pouco depois, Edílson chutou de dentro da área, mas a bola foi à direita do gol.
Quando o Botafogo não parecia mais capaz de empatar, Edílson voltou a fazer uma jogada individual a quatro minutos do fim. Ele passou com facilidade por Fábio Santos e, já na área, chutou para o gol. A finalização não tinha direção para o gol, mas a bola desviou em Cléber e bateu na trave antes de entrar: 1 a 1. No fim, Renan ainda fez uma boa defesa para garantir o empate.


Extra
O Globo
15:00 | 0 comentários

Cruzeiro afunda Flamengo por 3 a 0 e mantém liderança no campeonato antes da Copa do Mundo

Foto:Agência Lance
O cruzeiro não deu a mínima chance para o Flamengo neste domingo, no Parque do Sabiá, em Uberlândia. Demonstrando um entrosamento fantástico, o atual campeão nacional venceu por 3 a 0, com todos os gols no primeiro tempo, e manteve a liderança isolada do Campeonato Brasileiro. Já os cariocas completam seis jogos sem vitória e continuam na zona de rebaixamento.
Essa foi a nona rodada do Campeonato Brasileiro, última antes da realização da Copa do Mundo. Agora as equipes só voltam a jogar no dia 16 de julho, após o Mundial, quando o Cruzeiro recebe o Vitória, de volta ao Mineirão e o Flamengo encara o Atlético-PR.
A equipe cruzeirense teve total domínio do primeiro tempo. Com menos de 20 minutos o placar já marcava 2 a 0. Aos 16min, Alecsandro perdeu a bola e o time mineiro armou um contra-ataque fatal. Após bela troca de passes do ataque do Cruzeiro, Éverton Ribeiro serviu Ricardo Goulart, que bateu de primeira e abriu o placar. Dois minutos depois, a equipe roubou a bola na intermediária e Henrique acertou belo toque para Éverton Ribeiro, que invadiu a área pela esquerda e bateu cruzado, sem chances para o goleiro Paulo Victor.
Aos 28min, Éverton Ribeiro teve mais uma oportunidade, mas o goleiro flamenguista fez ótima defesa. A pressão era grande e um outro gol era questão de tempo. Aos 45min, em outra bela troca de passes, Ricardo Goulart arriscou e Paulo Victor defendeu parcialmente. No rebote, Borges manda faz o terceiro para os mineiros.
Na volta do intervalo, a única alteração no jogo foi o lado em que as equipes atacavam. A partida era a mesma. O Flamengo até tentava sair mais para o ataque para diminuir o placar, mas não conseguia superar o sistema defensivo dos mineiros. Paulo Victor salvou os cariocas de levarem uma goleada história no Campeonato Brasileiro. Nilton, Luan e Ricardo Goulart, duas vezes, desperdiçaram chances claras de aumentar o placar. Com a vitória garantida, Marcelo Oliveira começou a poupar os atletas e só esperou o apito final do juiz.
Com a vitória, o Cruzeiro mantém a liderança isolada, agora com 19 pontos. Já o Flamengo continua na zona de rebaixamento, com apenas sete pontos.
FONTE: TerraMeinorte
14:56 | 0 comentários

Avião de Wagner faz pouso forçado em Brumado

O avião da comitiva do governador Jaques Wagner fez um pouso forçado em Brumado, no sudoeste do estado, quando estava a caminho da cidade vizinha, Vitória da Conquista, devido ao mau tempo. A aeronave aterrizou no aeroporto Sócrates Mariane Bittencourt. Wagner ainda teve de aguardar a chegada de dois veículos e a escolta da 34ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM), para seguir viagem pela BR-030 até a cidade de Tremedal. Informações do site Brumado Notícias.



14:40 | 0 comentários

Avião com 49 pessoas faz pouso de emergência em aeroporto de Manaus

 (Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros)
Um avião da empresa Total com 49 pessoas fez um pouso de emergência, na noite desta sexta-feira (30), no Terminal 2 do Aeroporto Internacional Eduardo Gomes, conhecido como "Eduardinho", em Manaus. O voo saiu da Província Petrolífera de Urucu, em Coari, onde colidiu com um animal na pista. De acordo com o Corpo de Bombeiros, o trem de pouso da aeronave apresentou defeito após um animal invadir a pista do aeroporto e atingir o avião. Quatro tripulantes e 45 passageiros estavam a bordo. Ainda segundo o Corpo de Bombeiros, o avião teve que ficar sobrevoando Manaus para queimar combustível e assim diminuir o risco de acidente. Na pista de pouso, foi montada uma operação envolvendo também o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). O piloto conseguiu fazer o pouso com o pneu furado, e ninguém ficou ferido. Assustados, passageiros comemoraram com alívio o pouso em segurança (Foto: Marcos Dantas/G1 AM) Assustados, passageiros comemoraram com alívio o pouso em segurança.

14:38 | 0 comentários

Funcionário de empresa de eletricidade morre após queda de poste em Candeal


Um funcionário de uma empresa que presta serviços à Coelba (Companhia de Eletricidade do Estado da Bahia) morreu após a queda de um poste na manhã deste sábado (31), por volta das 10h, no Conjunto Lago Azul, em Candeal, cidade que fica a 24 km de Serrinha.

De acordo com a Polícia Civil, há duas hipóteses para a morte da vítima, identificada como Celso Santos Bispo, de 26 anos: descarga elétrica ou o impacto causado pela queda.

Colegas de trabalho ainda tentaram socorrê-lo, mas o homem já chegou ao hospital da cidade sem sinais vitais. Celso morava no distrito de Serra Branca, município de Santaluz. Ele era casado e tinha dois filhos. As informações e foto são do site AL Noticias. 



Funcionário de empresa de eletricidade morre após queda de poste em Candeal

Funcionário de empresa de eletricidade morre após queda de poste em Candeal
14:32 | 0 comentários

Secretaria de Saúde do DF descarta infarto de Prisco

Written By Neri Alves on segunda-feira, 5 de maio de 2014 | 04:13


O vereador Marco Prisco (PSDB) passou a noite de sábado e a manhã deste domingo (4) fazendo exames no Hospital Regional da Asa Norte em Brasília depois de ter tido, segundo o advogado Leonardo, um infarto no presídio de Papuda.

Entretanto, os exames realizados no edil descartaram a hipótese de que ele tenha sofrido um infarto.De acordo com a Folha, a Secretaria de Saúde do Distrito Federal informou que Prisco está em observação, com quadro de saúde estável e será reavaliado nesta segunda-feira (5). 

"A hipótese de infarto foi descartada e o paciente está em observação no momento. O estado geral de saúde é estável e amanhã ele será reavaliado pelo corpo médico", informou a nota divulgada pela secretaria. 

Em conversa com a reportagem do Bocão News, Leonardo afirmou apenas que Prisco permanece fazendo exames e não tem previsão para alta médica.


04:13 | 0 comentários

Renato Aragão pede demissão de motorista que solicitou foto ao seu lado

Renato Aragão, o Didi, é novamente alvo de críticas sobre sua postura com os fãs. Ao ser abordado por um manobrista em um shopping na semana passada, que queria tirar uma foto, o ator teria sido extremamente grosso. Além de recusar posar ao lado do homem, Didi pediu a demissão do rapaz, já que, por conta da foto, houve um atraso na entrega do seu carro. As informações são do colunista Leo Dias, do Jornal O Dia. 

04:09 | 0 comentários

Cada cadeira em estádio da Copa pagaria despesas de quase seis alunos por ano

Os protestos contra os gastos do governo com a Copa do Mundo, que será organizada no Brasil a partir de junho, trouxeram à tona o clamor da população pelo aumento do investimento em educação. Cartazes com frases como “Quantas escolas valem um Maracanã” ou “Não quero a Copa, quero saúde e educação” têm sido avistados nos atos de rua organizados no País.

A crítica é justificável. O governo federal prevê que o Fundeb (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação) deverá repassar para as escolas pouco mais de R$ 2.285,57 por aluno do ensino fundamental em 2014.  

No ano passado, o gasto mínimo por aluno da educação básica pública foi de R$ 2.287,87, segundo portaria divulgada pelo MEC (Ministério da Educação) no  DOU (Diário Oficial da União) da última terça-feira (29).  

Fazendo uma comparação com um levantamento da ONG dinamarquesa Play The Game, que estimou que cada assento dos estádios da Copa no Brasil custará R$ 13.500 (US$ 5.800), é possível determinar que o dinheiro gasto por assento paga as despesas anuais de quase 6 estudantes.  

Além disso, se os R$ 25,7 bilhões usados na organização da Copa [dado do portal da transparência] tivessem sido aplicados nas escolas, o País poderia promover o acesso de todos os alunos que estão fora das creches e do ensino médio. A ONG Todos pela Educação apontou que o Brasil tinha pouco mais de 3 milhões de crianças na faixa etária que vai dos 4 aos 17 anos fora das instituições de ensino no ano passado.  

O valor necessário para criar todas essas vagas seria de R$ 11,7 bilhões nas creches e R$ 4,7 bilhões no ensino médio, de acordo com dados de 2012 do CAQi (Custo Aluno Qualidade Inicial) da ONG Todos pela Educação.   O levantamento determina qual o investimento necessário para promover o acesso e a qualidade de ensino no País.  



Qualidade e investimento em infraestrutura

Além da inclusão, o CAQi apontou que cada aluno matriculados nas creches em tempo integral deveriam receber R$ 8.288,28 de investimento do governo por ano. Em 2013, porém, o Fundeb destinou R$ 2.285 por aluno destas unidades. No ensino médio a diferença também aponta um aporte menor. Foram empregados cerca de R$ 2.500 por aluno enquanto o índice de qualidade determinava investimento de pouco mais de R$ 3.000.  

Especialistas consultados pelo R7 foram unânimes ao constatar que a educação tem recursos insuficientes. Para José Marcelino de Rezende Pinto, professor de política educacional da USP (Universidade de São Paulo), o dinheiro da Copa deveria ter sido aplicado em projetos para melhorar a infraestrutura das escolas brasileiras.  

— Os estádios de Manaus, Brasília e Cuiabá, por exemplo, foram construídos para um evento que vai durar cerca de 30 dias. Depois eles correm o risco de se tornarem verdadeiros “elefantes brancos”. Este dinheiro deveria ter sido usado para melhorar milhares de escolas. Hoje, menos de 1% dos colégios brasileiros funcionam em condições ideais.

O dado citado pelo professor veio de um estudo realizado pelos pesquisadores Joaquim José Soares Neto, Girlene Ribeiro de Jesus e Camila Akemi Karino, da UnB (Universidade de Brasília), e Dalton Francisco de Andrade, da UFSC (Universidade Federal de Santa Catarina).  

Juntos, eles criaram uma escala para medir a qualidade da infraestrutura escolar a partir de dados divulgados pelo Censo Escolar 2011 do Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira), com informações de 194.932 colégios da rede pública e privada, de áreas rurais e urbanas.  

Hoje apenas 0,6% das unidades de ensino no País apresentam condições avançadas, ou seja, prédios com sala de professores, biblioteca, laboratório de informática, quadra esportiva, parque infantil, laboratório de ciências e áreas adequadas para atender a estudantes com necessidades especiais.  

A maioria dos colégios (84,5%) tem apenas o que os pesquisadores classificaram como estruturas elementares ou básicas: água, banheiro, energia, esgoto, cozinha, sala de diretoria e equipamentos como TV, DVD, computadores e impressora.   O professor da UnB e ex-diretor do Inep, Joaquim José Soares Neto, explicou que a constatação mais preocupante da escala foi a descoberta de que 44% das escolas funcionam em condições elementares, ou seja, em prédios quase sem equipamentos ou recursos para atender os alunos.  

Elas representam quase metade das unidades de ensino e atendem, no geral, alunos da pré-escola até o nono ano que vivem em municípios pequenos ou na área rural.  

— Descobrimos que quase sete milhões de brasileiros, ou seja, 13% dos alunos, estudam em locais com infraestrutura elementar. A quantidade de estudantes que enfrentam condições mínimas de infraestrutura pode parecer baixa, mas é igual a da população da Suécia. Isso é muito preocupante.  

Neto explica que o problema do financiamento da educação é muito complexo e que fazer uma comparação com os recursos empregados na Copa pode ser um caminho inadequado. Para ele, antes de polemizar se é corretor usar recursos para sediar grandes eventos esportivos, é preciso pensar maneiras de resolver os problemas e determinar uma nova política de investimento nas escolas.  

Mesmo assim, o especialista foi enfático ao frisar que o dinheiro aplicado pelo governo na área da educação está muito abaixo do necessário.

Fonte: R7 Bahia
04:07 | 0 comentários

Colaboradores

Colaboradores

Postagens populares

Categories